Outono, amor e considerações aleatórias sobre o infinito – parte 1

Olá à todos os imbecis, chorões, nerds, mimados, lambedores de bolas, cheiradores, nóias, estivadores homossexuais que já passaram ou hão de passar sobre estas terras virtuais de quarta dimensão….

É outono, época em que as folhetas seculares caem de seus grandes pés de frutas exóticas, como a maracujéba dourada da Namíbia

O amor está no ar… E isso me lembra uma coisa que meu amigo Shakespeare sempre dizia: “Escreve um soneto pra essa vagabunda! As vagabundas adoram sonetos…”.

Eu sou infinito e posso tudo!

Fodam-se!

*O autor deste post encontrava-se em estado absurdo de consumo droguista. Nada comparado com esses dois caras aqui em baixo:


“Eu não fumo erva. Eu não bebo uísque. tudo que eu quero é chacoalhar meu turbante”


“PROCURA-SE: Alguém, para voltar no tempo comigo. Isso não é uma piada. Caixa Postal 322, Oakview, Califórnia 93022. Você será pago quando retornarmos. Traga suas próprias armas. Segurança não garantida. Fiz isso uma única vez, anteriormente.”

Sobre @misterlust

Paulistano, Psicólogo e Promotor de Eventos. Sempre no rolê. Tenho o poder da invisibilidade. Tô aqui? Nem me viu!
Esse post foi publicado em Random e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Outono, amor e considerações aleatórias sobre o infinito – parte 1

  1. Camilla disse:

    Eu sou uma das sortudas que tem o prazer de ouvir você dizer ao vivo a clássica frase “Eu posso tudo, eu sou infinito, fodam-se” e dar esse sorriso sarcástico que você sempre dá. HAHAHAHA, ADOGO!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s